Campeonato Mineiro de 2023 é suspenso pelo STJD

13/01/2023 | Minas Gerais

Medida envolve o acesso do Ipatinga – Foto FMF/Flickr/Divulgação

 

 

Em decisão publicada nesta sexta-feira 13/1, o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) suspendeu a realização do Campeonato Mineiro de futebol masculino de 2023, que se iniciaria já na próxima semana. A medida foi tomada após pedido do Betim Futebol, que acusa o Ipatinga, clube que subiu para o Módulo I, de irregularidade durante o Módulo II do ano passado.

 

“Diante desta moldura, outro caminho não há que ser trilhado, senão o da concessão da liminar vindicada, por meio da determinação de suspensão do início do Campeonato Mineiro Módulo I de 2023, até o trânsito em julgado do processo nº 329/22 do TJD-MG, ou ulterior determinação deste STJD”, publicou o presidente da corte, Otávio Noronha.

 

Entenda

 

Em setembro de 2022, o Betim denunciou o Ipatinga, vice-campeão do Módulo II, ao Tribunal de Justiça Desportiva de Minas Gerais (TJD-MG), alegando que o clube do Vale do Aço não teria assinado a carteira de trabalho dos jogadores para a disputa do torneio, o que se configuraria uma infração esportiva.

 

A infração apresentada pelo clube da região Metropolitana de Belo Horizonte informa que o Tigre teria infringido o artigo 214 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD) por falsificar a assinatura das carteiras de trabalho dos atletas que disputaram o Módulo II, especialmente os relacionados para o jogo contra o Boa, realizado no dia 30 de julho.

 

Em caso de uma punição esportiva, o Betim, terceiro colocado, pode herdar a vaga para a elite do futebol mineiro.

 

O clube entrou com liminar no STJD, de nível nacional, porque o TJD, regional, está em recesso até o dia 22 de janeiro, após o início da competição. “Vindicou por isso, liminar deste STJD, no sentido de que se imponha ao tribunal local, a marcação de sessão extraordinária, durante o recesso, para julgamento de seu recurso; ou que se avoquem os autos para julgamento do recurso por este sodalício diante da morosidade; ou ainda, que se determine a suspensão do campeonato para o ano de 2023”, consta na decisão.

 

Por O Tempo 

 

 

Veja também