MG: Cantores gospel são presos suspeitos de pirâmide financeira

6/05/2022 | Minas Gerais

Izabela Cristy, de 28 anos, é suspeita de aplicar golpes em esquema de pirâmide financeira – Foto: Reprodução / Instagram

 

 

A Polícia Militar prendeu, na manhã desta sexta-feira (6), os cantores gospel Isabela Cristi Gomes Barros, que se apresenta nas redes sociais como Izabela Cristy, de 28 anos, e o marido David Robson de Barros, de 33 anos, ambos donos de uma plataforma de investimentos no estilo pirâmide suspeita de causar prejuízos a cerca de 300 pessoas.

 

Segundo o sargento Alexandre Miranda Gonçalves, o casal foi preso no apartamento onde residem, em Lagoa Santa, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

 

Ainda de acordo com o militar, eles resistiram à ordem de prisão e a porta do imóvel precisou ser arrombada. Além disso, uma filha pequena, de aproximadamente 3 meses, foi utilizada como escudo.

 

A Polícia Militar informou que havia mandado de prisão contra os dois, que eram considerados foragidos.

 

Segundo as investigações, além de artistas, eles também se apresentavam como “traders”. No mercado financeiro, são os profissionais que realizam transações diárias de compra e venda, especialmente na bolsa de valores. Quem aplicava o dinheiro tinha a promessa de receber muito mais em pouco meses, mas não foi isso que aconteceu.

 

David e Isabela teriam aplicado esquema de pirâmide — Foto: Arquivo pessoas/Reprodução

 

 

A Polícia Civil já havia informado que havia um inquérito aberto na delegacia de Lagoa Santa contra Isabela Cristi pela prática de estelionato. A corporação não informou na época por que David Robson ainda não estava sendo investigado. Todas as pessoas que se sentiram lesadas devem registrar ocorrência e fazer uma representação.

 

O advogado do casal negou que eles tenham cometido crime.

 

Por G1 

 

 

Cantora gospel é investigada por esquema de pirâmide financeira

 

 

 

 

 

Veja também