Cartório de Itaúna recebeu mais de 1800 requerimentos

6/05/2022 | Itaúna

O cartório ainda está analisando os pedidos recebidos pela internet – Foto Divulgação

 

 

Nas últimas semanas do prazo legal, o cartório eleitoral de Itaúna recebeu pela internet um total de 1.175 (mil, cento e setenta e cinco) requerimentos de novos títulos eleitorais, transferências, revisões de dados e regularizações de inscrições canceladas (os cancelamentos só ocorrem nos termos do Código Eleitoral, art. 7º, §3º e art. 71).

 

“Além disso, foram atendidos, presencialmente, outros 723 eleitores, totalizando 1.898 requerimentos. Um recorde histórico”, segundo o Chefe do Cartório Euder Monteiro.

 

O cartório ainda está analisando os pedidos recebidos pela internet.

 

Desde esta quinta 05/05, a legislação proíbe o deferimento de novos requerimentos, permitindo apenas a emissão de segunda via do título e de certidões, o que pode ser feito no cartório ou pela internet: https://www.tse.jus.br/eleitor/autoatendimento-do-eleitor/#/.

Adesão

 

Ao encerrar o cadastro eleitoral para as Eleições 2022, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) celebra a superação de todos os recordes já registrados pela Justiça Eleitoral. O anúncio foi feito pelo presidente do Tribunal, ministro Edson Fachin, na abertura da sessão dessa quinta-feira (5).

 

“Entre janeiro e abril deste ano o país ganhou 2.042.817 novos eleitores entre 16 e 18 anos, que no dia 2 de outubro comparecerão às urnas para exercer o nobre e digno direito do voto”, destacou.

 

Esse número representa um aumento de 47,2% em relação ao mesmo período em 2018 e de 57,4% em relação aos quatro primeiros meses do ano em 2014. As ações da Justiça Eleitoral realizadas durante a Semana do Jovem Eleitor, entre os dias 14 e 18 de março, se refletiram nos números.

 

Segundo Fachin, a juventude brasileira foi convocada a participar das eleições em outubro, e a resposta foi impressionante.

 

Em março deste ano, o Brasil contou com o ingresso de 522.471 novos eleitores de 16 a 18 anos. Em abril esse número foi de 991.415 jovens com o primeiro título, um salto de 89,7% quando comparado ao mês anterior.

 

 

 

 

 

Veja também