Covid-19: Região recebe mais 38 mil doses; para Itaúna são cerca de 3.500

17/11/2021 | Centro-Oeste

As vacinas fazem parte do 66º e 67º lote de imunizantes contra a Covid – Foto Divulgação/ GEA

 

 

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-MG) iniciou na terça-feira (17) a distribuição dos lotes 66º e 67º de vacinas contra a Covid-19 para as Unidades Regionais de Saúde (URSs). Nesta nova remessa, o Centro-Oeste de Minas receberá 38.316 vacinas da Pfizer. O 66º lote também é composto por imunizantes da AstraZeneca, mas nenhum município da região receberá essas doses.

 

Os municípios da região receberão as doses por meio da regional de Saúde de Divinópolis. Para Itaúna serão enviadas 3.558 doses.

 

Público-alvo

 

Segundo a SES-MG, as doses de AstraZeneca são destinadas para completar o esquema vacinal (D2) de pessoas com 18 anos ou mais. O quantitativo é suficiente para atender integralmente a demanda informada pelos municípios à SES por doses do imunizante.

As doses da Pfizer são destinadas à aplicação da primeira dose em 28% de adolescentes de 12 a 17 anos, para dose de reforço em 14% de trabalhadores da saúde e para completar o esquema vacinal (D2) em 100% de adolescentes de 12 a 17 anos com comorbidades.

Caso algum município tenha completado o esquema vacinal de todas as pessoas de um grupo prioritário e tiver dose disponível, o município poderá avançar na imunização de outros grupos prioritários elencados pelo Programa Nacional de Imunizações (PNI), do Ministério da Saúde.

Doses por municípios

 

Veja abaixo o quantitativo por município:

Doses entregues por município – SRS de Divinópolis

Município Pfizer AstraZeneca
Aguanil 162 0
Araújos 354 0
Arcos 1.452 0
Bambuí 828 0
Bom Despacho 1.848 0
Camacho 96 0
Campo Belo 1.778 0
Cana Verde 234 0
Candeias 492 0
Carmo da Mata 396 0
Carmo do Cajuru 780 0
Carmópolis de Minas 684 0
Cláudio 1.056 0
Conceição do Pará 192 0
Córrego Danta 126 0
Córrego Fundo 228 0
Cristais 534 0
Divinópolis 9.222 0
Dores do Indaiá 462 0
Estrela do Indaiá 120 0
Formiga 2.634 0
Igaratinga 444 0
Iguatama 258 0
Itaguara 444 0
Itapecerica 744 0
Itatiaiuçu 402 0
Itaúna 3.558 0
Japaraíba 500 0
Lagoa da Prata 2.900 0
Leandro Ferreira 390 0
Luz 600 0
Martinho Campos 400 0
Medeiros 200 0
Moema 500 0
Nova Serrana 3.500 0
Oliveira 1.418 0
Onça de Pitangui 300 0
Pains 200 0
Pará de Minas 2.400 0
Passa Tempo 500 0
Pedra do Indaiá 670 0
Perdigão 290 0
Piracema 500 0
Pitangui 1.002 0
Santana do Jacaré 300 0
Santo Antônio do Amparo 690 0
Santo Antônio do Monte 1.000 0
São Francisco de Paula 340 0
São Gonçalo do Pará 500 0
São José da Varginha 189 0
São Sebastião do Oeste 250 0
Serra da Saudade 42 0
Tapiraí 60 0
Total 33.789 0

Fonte: SES/MG

 

 

Importância da vacina

 

Nenhuma vacina oferece proteção de 100% contra doenças, mas todas reduzem o risco de infecção, hospitalização e morte, principalmente depois da segunda dose.

 

É importante lembrar que vacinas funcionam, mas não são infalíveis. Ainda assim, apesar de a probabilidade de infecção após a vacina ser pequena, quanto mais a doença estiver circulando, maior é o risco de o imunizante falhar. Por isso a necessidade de vacinar o maior número de pessoas possíveis o quanto antes.

 

Por G1

 

 

Veja também