Covid: variante Éris é confirmada pela primeira vez no Brasil

18/08/2023 | Brasil

 

As vacinas protegem contra essa variante, segundo o Ministério da Saúde – Foto Getty Images

 

 

O Ministério da Saúde confirmou nesta sexta-feira 18/8,  um caso da variante EG.5 da Covid-19, no estado de São Paulo. A doença foi identificada em uma mulher de 71 anos. Ela apresentou, em 30 de julho, sintomas de febre, tosse, fadiga e dor de cabeça. Em 8 de agosto fez a coleta para exame laboratorial.

 

Segundo o Ministério, a paciente está curada e com o esquema vacinal completo. A pasta informou ainda manter contato permanente com a Organização Pan-Americana da Saúde e a Organização Mundial da Saúde.

 

Conhecida popularmente por Éris, a EG.5 é uma subvariante da Ômicron e foi registrada em ao menos 51 países, de acordo com a Organização Mundial da Saúde.

 

A Secretária de Vigilância em Saúde e Ambiente do Ministério da Saúde, Ethel Maciel, disse que a pasta monitora o cenário internacional e que as vacinas protegem contra essa variante.

 

Segundo o vice-presidente da Sociedade Brasileira de Imunizações, Renato Kfuri, não há expectativa de que essa nova variante aumente a gravidade ou as complicações da doença.

 

Além do reforço da vacina, a recomendação é para que os grupos de maior risco de agravamento da Covid-19 continuem a seguir as medidas de prevenção e controle. Isso inclui o uso de máscaras em locais fechados, mal ventilados ou aglomerações, além do isolamento de pacientes infectados com covid. A medida também vale para pessoas com sintomas gripais.

 

Veja também