Ex vice-prefeito fala sobre reforma da Matriz de Sant’ana

5/12/2014 | Itaúna

igreja

 

 

 

Uma das marcas da civilização européia e ocidental é sem sombra de dúvidas a fé cristã, que materialmente fica caracterizada nas edificações de Igrejas por todas as comunidades, sobretudo por este Brasil afora que foi colonizado sob as bênçãos do Cristianismo.

                   Revendo a obra Centro Oeste Mineiro – História e Cultura, editado sob a batuta do então Presidente do Instituto Cultural de Minas Gerais o Senhor Dr. Guaracy de Castro Nogueira – Itaunense benemérito e historiador de saudosa memória, obra em que conferimos aspectos históricos, sociais,  culturais e religiosos da região representada por setenta e sete municípios do Centro Oeste mineiro, obra muito importante para nossa orientação, verificamos que todas as cidades da região têm como referência primeira, o Cristianismo, especialmente o catolicismo materializado nas edificações das Igrejas nas praças principais de cada cidade, sendo que algumas delas, surgem monumentos de rara beleza, destacando estilos arquitetônicos, tentando imitar a arquitetura gótica, medieval e românica, acabando por surgir uma arquitetura exclusivamente brasileira, diferindo bastante do estilo  colonial conferido nas cidades históricas, principalmente as de Minas Gerais, como Ouro Preto, Mariana, Congonhas e outras, sendo que algumas cidades do Centro oeste,  tentaram aproximar deste estilo, a exemplo de  Oliveira, Bom sucesso e Bom Despacho.

                       Devemos ter o máximo cuidado com a  manutenção  e zelo para com os nossos prédios onde mora o “Cálice Bento”, os quais usamos para nos aproximar do nosso Deus, conservar o respeito, a reverência e a devoção. Inclui também o aspecto externo de nossas Igrejas devem ser apresentável, e nem sempre temos este cuidado. Verificamos por esta  Minas Gerais, um verdadeiro desleixo de prédios praticamente abandonados.

                        Nossa Matriz de Santana passou por reformas externas, tornando se  muito mais bonita e apresentável,  pelo visual, agora mais digna de ser a grande referência de nossa cidade, símbolo da fé de nossa gente.

                        Por generosidade de uma empresa, a ArquêProjetos e Construções, representada por seu sócio proprietário, o arquiteto  Samuel Herculano Nicomedes, foi possível a boa reforma, numa demonstração de desprendimento,  zelo pelo patrimônio devocional e, quem sabe, uma forma que o amigo encontrou para dar graças a Deus pela vida e vivida em abundância.  Que possamos seguir o exemplo do jovem empresário, especialmente os privilegiados da sorte, e fazer algo meritório de forma a contribuir para o crescimento da Igreja gente e do Reino de Deus.

Obrigado empresário!

                                             Um Feliz Natal e Boas festas para todos.

                                             Pedro Paulo Pinto. Advogado.

 

Veja também