Idoso é indiciado por abandono e atropelamento de cachorro

8/12/2021 | Polícia

O momento do crime foi flagrado por câmeras do sistema de segurança – Foto Reprodução Mídia Mineira

 

 

A Polícia Civil concluiu as investigações sobre um caso de abandono e atropelamento de um filhote de cachorro em Pará de Minas. O inquérito policial será encaminhado à Justiça e um idoso de 81 anos foi indiciado; ele nega o crime.

 

A informação foi divulgada nesta terça-feira (7) e o crime foi registrado no dia 30 de outubro deste ano. A Polícia Civil lembra que o crime de maus-tratos a animais teve a pena aumentada recentemente pela “Lei Sanção”, podendo chegar de 1 a 5 anos de reclusão.

 

De acordo com a Civil, as apurações apontaram que o idoso teria abandonado o cachorro em via pública e, logo em seguida, fugiu do local e passou com as rodas do veículo que conduzia sobre o animal. Ele não teria prestado qualquer tipo de socorro ao animal ao notar o atropelamento.

 

O momento do crime foi flagrado por câmeras do sistema de segurança de uma residência próxima ao local do ocorrido. As imagens viralizaram nas redes sociais e a Polícia Civil recebeu denúncias anônimas. Após a análise das imagens e de outros elementos de prova, os policiais civis identificaram o suspeito.

 

A Polícia Civil afirmou que, com base em todas as provas colhidas no inquérito policial, não houve dúvidas da participação do idoso.

 

O filhote foi socorrido e atendido em uma clínica da cidade, onde recebeu todos os cuidados e sobreviveu ao atropelamento.

 

 

 

Veja também