INSS vai ligar para segurado a partir desta segunda

25/09/2023 | Brasil

A fila de pedidos que precisam passar por perícia médica está em 1,1 milhão de pessoas – Foto Bruno Rocha/Fotoarena/Folhapress

 

 

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) vai ligar, a partir desta segunda-feira 25/9, para os segurados que estejam aguardando perícia médica para concessão de benefício por incapacidade temporária (antigo auxílio-doença) há mais de 45 dias.

 

  • Para agilizar esse contato com o cidadão a Central de Atendimento 135 vai mudar de número. Agora, o número (11) 2135-0135 vai aparecer na tela de chamada do seu telefone quando o INSS ligar para remarcar atendimento ou para confirmar ou antecipar agendamento de perícia médica e/ou avaliação social. Esse número não recebe chamada telefônica e não tem WhatsApp.

 

  • Caso o cidadão fique em dúvida se deve atender a ligação ou ache que é vítima de golpe, o INSS recomenda que faça uma chamada gratuita para o número 135. O número do SMS da Central 135 continua sendo o 28041. Portanto, se receber uma mensagem no celular com esse número é o INSS entrando em contato.

 

  • O INSS informou ainda que não entra em contato com o segurado para pedir número de documentos, foto para comprovar a biometria facial, número de conta corrente ou senha bancária.

 

“O INSS somente entra em contato com o segurado para antecipar atendimento, remarcar consulta, dar informação sobre requerimento, entre outros serviços. E, mesmo assim, é o instituto que informa os dados. Se receber ligação solicitando suas informações ou foto de documento, fuja. É golpe!”, acrescentou o INSS

 

O Instituto informou, ainda, que atualmente, a fila de pedidos que precisam passar por perícia médica para concessão do benefício está em 1,1 milhão de pessoas.

 

Sendo distribuído em: 627 mil perícias médicas iniciais, 250 mil avaliações de exames para Benefício de Prestação Continuada (BPC) para pessoa com deficiência, e 300 mil de outras perícias.

Serviços oferecidos pela central

 

Pela central 135, de acordo com o governo federal, é possível fazer inscrição junto à Previdência Social, requerer benefícios, agendar atendimento em uma agência, consultar resultado de perícia médica e data de pagamento de benefício, fazer denúncia anônima, entre outros.

 

Além disso, acrescentou que o segurado pode conversar com um atendente para obter informações a respeito dos benefícios da Previdência Social.

 

O horário de atendimento é de segunda a sábado das 7h às 22h (horário de Brasília). Mas o atendimento eletrônico ocorre 24h por dia, todos os dias da semana.

 

 

Veja também