Jabuticaba é eleita 2ª melhor fruta do mundo; veja ranking

26/11/2023 | Brasil

Apesar de pequena, a fruta de tom roxo escuro tem uma polpa doce e saborosa – Foto Reprodução

 

 

Não existe comprovação científica para a relação entre tamanho e qualidade, mas há quem diga que os melhores perfumes estão nos menores frascos. Mito ou verdade, as jabuticabas são mais um exemplo de sucesso.

 

Apesar de pequena, a fruta de tom roxo escuro tem uma polpa doce e saborosa. Tantos atributos conquistaram até mesmo o paladar dos estrangeiros, que a elegeram como a segunda melhor fruta do mundo, perdendo apenas para o mangostão – de origem asiática .

 

O ranking foi elaborado pela TasteAtlas, uma enciclopédia gastronômica internacional, que cataloga comidas e restaurantes ao redor do mundo. As avaliações são feitas pelos usuários do site.

 

Além da jabuticaba, outra fruta de origem brasileira ficou entre as 10 melhores. Com um nota de 4,5 estrelas, o açaí conquistou a sétima colocação.

 

O açaí é nativo da Amazônia, mas sua fama atravessa o mundo. Ele é o “arroz com feijão” do paraense e uma das sobremesas favoritas no Sul e Sudeste do Brasil.

 

Variedades de pêssegos, morangos, cerejas e damasco também entraram na lista:

 

1 – Mangostão;
2 – Jabuticaba;
3 – Deglet Nour (Tâmara);
4 – Rodakina Naoussas (Pêssego);
5 – Truskawka kaszubska (Morango);
6 – Wiśnia nadwiślanka (Cereja);
7 – Açaí;
8 – Lúcuma;
10 – Limão de Sorrento;
11 – Manduri Chiou.

 

O que torna a jabuticaba tão especial?

 

Apesar da polpa ser a parte mais doce da jabuticaba, a riqueza nutricional dela está na casca.

 

Abaixo, os principais benefícios da fruta:

 

  • A casca da jabuticaba é rica em antioxidantes;

 

  • Tem as vitaminas C e do complexo B;

 

  • Contém minerais como o ferro, o magnésio e o potássio;

 

  • É fonte de pectina, uma fibra que auxilia as “bactérias do bem” do intestino.

 

A fruta reforça ainda o sistema imunológico, diminui o risco do diabetes tipo 2 e reduz o colesterol – por ter alta capacidade antioxidante – segundo a pesquisadora da Embrapa Ana Carolina Chaves.

 

Além disso, os antioxidantes da jabuticaba protegem o organismo dos radicais livres, que podem provocar doenças.

 

Para conseguir os benefícios para a saúde, segundo a pesquisadora, a dica é consumir dez jabuticabas por dia (com a casca).

 

 

 

Veja também