Lula: ‘Bolsonaro decidiu enganar o povo antes da eleição’

17/08/2022 | Minas Gerais

Em entrevista ao Estado de Minas, petista prometeu manter ajuda aos mais pobres – Foto reprodução Uai

 

 

Candidato à presidência da República, Luiz Inácio Lula da Silva (PT) disse, nesta quarta-feira (17/8), que o presidente Jair Bolsonaro (PL), seu rival na eleição de outubro, tenta “enganar o povo”. Em entrevista exclusiva ao Estado de Minas, Lula prometeu manter pagamentos mensais de R$ 600 à população economicamente vulnerável e afirmou que Bolsonaro só faz os repasses por medo de não conseguir a reeleição.

 

“Bolsonaro, depois de três anos e meio sem fazer nada, decidiu tentar enganar o povo às vésperas da eleição. O que tenho a dizer para quem está recebendo auxílio financeiro é para pegar o dinheiro, porque precisam disso, e votar para tirar esse incompetente da presidência”, afirmou Lula, em entrevista concedida por escrito.

 

Segundo o petista, além de um programa de transferência de renda, será preciso estruturar outras ações socioeconômicas. “Claro que vamos manter o auxílio. E vamos fazer mais para gerar emprego, melhorar a educação pública, valorizar o salário mínimo, cuidar de tudo que cuidamos para o povo viver melhor como vivia no meu governo”, prometeu.

 

“Vamos fazer isso com a responsabilidade que tive quando fui governo, com a urgência de cuidar de quem está em situação difícil agora, de resolver quem está passando fome”, emendou.

 

Ato em BH com Kalil

 

Lula estará em Belo Horizonte nesta quinta-feira (18), para um comício na Praça da Estação, no Centro da cidade. Será o primeiro grande ato de sua campanha presidencial. Ao lado do líder petista, estará Alexandre Kalil (PSD), candidato ao Senado. O também pessedista Alexandre Silveira, postulante ao Senado, será outro a participar.

 

Por Uai 

 

 

 

Veja também