Magnata chinês compra vaso de 800 anos por US$ 14,71 milhões

8/04/2015 | Mundo

magnata chines vaso

 

O magnata chinês Liu Yiqian desembolsou quase US$ 114 milhões de Hong Kong (US$ 14,71 milhões) para comprar um vaso antigo em um leilão.

O leilão da peça octogonal, da dinastia Song e com 800 anos, superou com folga o preço de referência estabelecido pela Sotheby’s, de US$ 7,7 milhões.

O vaso, de 20 centímetros de altura, é parte de uma coleção especial elaborada para a corte imperial.

Liu, um ex-taxista que virou investidor, atual presidente do Sunline Group, é um dos homens mais ricos da China e um ávido comprador de obras de arte.

O empresário bateu o recorde mundial para uma porcelana chinesa em abril do ano passado, quando comprou uma taça de vinho da dinastia Ming por US$ 36 milhões, que depois usou para beber chá.

Em novembro ele comprou um tapete tibetano de seda por US$ 45 milhões em um leilão da Christie’s em Hong Kong, a obra de arte chinesa de maior preço vendida por uma casa internacional de leilões.

Liu tem seu próprio museu em Xangai e alega que tem por missão recuperar antigas obras de arte chinesas.

Veja também