NO AR AGORA

Rádio Santana FM

Itaúna, 25 de junho de 2021

Oautor foi preso em flagrante, mas está no Hospital de Itaúna porque também se feriu – Foto Reprodução Internet

 

 

Uma mulher foi assassinada com 23 facadas na frente dos filhos de 11, 7 e 2 anos em Itaguara, na região metropolitana de Belo Horizonte. O crime aconteceu na noite de sábado (17) e o autor foi preso em flagrante, mas está no Hospital de Itaúna porque também se feriu.

 

Segundo a Polícia Militar (PM), após um chamado via 190, os militares foram até a residência do casal e encontrou o corpo da mulher já sem vida caído ao chão e o marido com uma faca nas mãos. Foi dada ordem para que ele deixasse a arma e ele foi detido em flagrante.

 

Por apresentar um corte na região do abdômen, o suspeito foi socorrido para o Hospital de Itaguara e, posteriormente transferido para Itaúna. Ele relatou ter descoberto uma traição da esposa por meio de mensagens de celular e, ao tentar conversar com a vítima, esta teria pegado uma faca e começado a agredi-lo. Foi quando ele tomou a faca de suas mãos e passou a esfaqueá-la.

 

No entanto, o filho mais velho do casal, um menino de 11 anos, relatou a uma tia – irmã da vítima – que o pai golpeou a mãe com a faca e, em seguida, se cortou em uma tentativa de suicídio. Ele disse ainda que o crime aconteceu na frente dele e dos irmãos.

 

Já uma irmã do autor contou aos militares que o casal estava em processo de separação e que o marido não aceitava o fim do relacionamento. Disse ainda que as brigas entre eles eram frequentes.

 

A faca utilizada no crime foi recolhida e as crianças ficaram sob a guarda da avó paterna.

 

A perícia da Polícia Civil esteve na casa onde a mulher foi assassinada e, após os trabalhos, ela teve o corpo encaminhado ao Instituto Médico-Legal de Betim. A ocorrência também foi registrada na delegacia de plantão de Betim, que deve investigar o caso

.

Por O Tempo