NO AR AGORA

Rádio Santana FM

Itaúna, 16 de junho de 2021

ataque obuses iemen

 

 

Pelo menos 32 pessoas morreram e 67 ficaram feridas no Iêmen em um ataque com obuses quando tentavam fugir pelo mar dos combates no bairro de Tawahi, centro de Áden, informou uma fonte do serviço médico da cidade.

Os obuses atingiram um pequeno pesqueiro e uma barca que transportavam os civis, segundo a fonte, que atribuiu o ataque aos rebeldes huthis que tentam controlar o bairro de Tawahi e enfrentam os combatentes leais ao presidente Abd Rabo Mansur Hadi.

“Dezenas de civis morreram no massacre cometido pelos rebeldes huthis e os aliados do ex-presidente Ali Abdullah Saleh”, disse Ali al-Ahmadi, porta-voz dos comitês de resistência popular, que respaldam Hadi, atualmente refugiado na Arábia Saudita.

Segundo testemunhas, os rebeldes intensificaram nos últimos dias os ataques contra Tawahi, sede do canal Aden TV, favorável a Hadi.

Nesta quarta-feira, o general Ali Naser Hadi, que comandava as tropas leais ao presidente nas três províncias do sul do Iêmen, morreu ao ser atingido por um tiro.

A Arábia Saudita lidera desde 26 de março uma coalizão de países árabes que bombardeia as posições no Iêmen dos rebeldes xiitas huthis, apoiados pelo Irã.