Paciente morre por complicações com a Covid-19

29/11/2021 | Itaúna, Saúde

A cidade ficou quase um mês sem registrar óbitos por Covid – Foto Carla Barboza/ Santana FM

 

 

Quase um mês depois de registrar o último óbito por Covid, Itaúna confirmou uma nova morte por complicações com a doença.

 

Segundo a Secretaria de Saúde, junto ao Hospital Manoel Gonçalves, a vítima é uma mulher de 71 anos que faleceu neste domingo, 28/11.

 

A cidade tem agora 284 óbitos causados pela doença acumulados desde o início da pandemia, em março de 2020.

 

A última vítima havia sido uma mulher de 79 anos que faleceu no dia 02/11.

 

 

 

Dia 30 aplicação de 1ª dose

 

Pessoas com 12 anos ou mais que ainda não se vacinaram podem ir até o estacionamento da Avacci na terça-feira, 30/11, das 8h às 10h e das 13h às 15h para serem imunizados.

 

Os documentos necessários são identidade ou certidão de nascimento, Cartão Nacional de Saúde ou CPF. Atenção: adolescentes de 12 a 15 anos devem ir acompanhados dos pais.

 

 

Pfizer (1ª, 2ª ou dose de reforço)

 

  • Data: terça-feira (30), das 8h às 10h e das 13h às 15h
  • Local: estacionamento da Avacci
  • Observação: a 1ª dose para quem ainda não tomou nenhuma; intervalo entre 1ª e 2ª dose de dois meses; intervalo entre 2ª e 3ª dose de cinco meses

 

 

Importância da vacina

 

Nenhuma vacina oferece proteção de 100% contra doenças, mas todas reduzem o risco de infecção, hospitalização e morte, principalmente depois da segunda dose.


É importante lembrar que vacinas funcionam, mas não são infalíveis. Ainda assim, apesar de a probabilidade de infecção após a vacina ser pequena, quanto mais a doença estiver circulando, maior é o risco de o imunizante falhar. Por isso a necessidade de vacinar o maior número de pessoas.

 

 

 

 

Veja também