Pacientes esperam deitados em gramado de UPA lotada de SP

23/12/2021 | Brasil

Pacientes aguardaram atendimento deitados no gramado em Guarulhos, na Grande São Paulo – Foto reprodução

 

 

Dezenas de pacientes tiveram de aguardar atendimento deitados no gramado da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) São João, em Guarulhos, na Grande São Paulo, na última terça-feira (21).

 

Questionada sobre o motivo de as pessoas não estarem adequadamente acomodadas, a Prefeitura de Guarulhos informou que o problema foi causado por uma superdemanda e que as equipes estavam completas no atendimento.

 

No entanto, as autoridades não responderam quais medidas serão adotadas para que a situação seja resolvida.

 

Em nota, o Executivo municipal informou que “a Secretaria de Saúde do município constatou um grande crescimento na procura de pessoas com sintomas da síndrome gripal H3N2 nas unidades de saúde de Guarulhos, o que vem causando grandes filas e demora no atendimento”.

 

Segundo a prefeitura, no mês de dezembro, até o último dia 19, a cidade registrou 8.051 casos de síndromes gripais, não necessariamente a H3N2.

 

“O mesmo ocorre em hospitais particulares e em postos de atendimento de planos de saúde privados do município, a exemplo do que está acontecendo em outros municípios da Grande São Paulo”, diz o comunicado.

 

Por G1

 

 

Veja também