NO AR AGORA

Rádio Santana FM

Itaúna, 15 de junho de 2021

cem anos solidao furtado

 

 

 

Um exemplar da primeira edição de “Cem anos de solidão”, com dedicatória do nobel Gabriel García Márquez, foi roubada do pavilhão de Macondo da Feira Internacional do Livro de Bogotá, confirmaram os organizadores neste domingo (3).

O roubo do livro foi detectado na noite de sábado, disse à Agência Efe uma fonte próxima à Câmara Colombiana do Livro.

O exemplar roubado pertence ao livreiro Álvaro Castillo, que o tinha emprestado para a feira.

“Infelizmente temos que confirmar o roubo. Esta tarde emitiremos um comunicado oficial sobre o sucedido”, disse a fonte.

O livro roubado estava exposto no pavilhão de Macondo, convidado de honra da XXVIII edição da feira.

“Cem anos de solidão” foi publicado pela primeira vez em 1967 pela editora Sul-Americana de Buenos Aires e desde então se transformou em um fenômeno da literatura mundial.

Gabriel Garcia Márquez narra a incrível e triste história dos Buendía – a estirpe dos solitários para a qual não será dada uma segunda oportunidade sobre a terra. O livro também pode ser entendido como uma autêntica enciclopédia do imaginário.