NO AR AGORA

Rádio Santana FM

Itaúna, 19 de junho de 2021

Consumidor deve registrar um Boletim de Ocorrências e ingressar no judiciário, para tentar reaver a quantia perdida- Foto Procon Itaúna

 

 

O Procon de Itaúna, registrou somente no mês de MAIO/2021, um montante de R$31.500,00 , em golpes aplicados na internet contra consumidores de Itaúna e região. No ano de 2020 o número chegou a quase oitenta mil reais.

 

Chama atenção, uma consumidora de Itatiaiuçu, que, no início do mês, perdeu mais de R$15.000,00, por ter sido vítima do GOLPE DO EMPRÉSTIMO, onde buscava fazer um empréstimo de R$6.000,00 e acabou depositando mais que o dobro para os estelionatários.

 

Os golpes na internet ficaram frequentes devido ao aumento de compras on-line por causa da pandemia do COVID-19, porém, os consumidores não podem se descuidarem ao realizarem suas compras, devendo evitar comprar em redes sociais, como whatsapp, instagram, facebook e outras, uma vez que são quase impossíveis de rastrear, podendo os criminosos estarem em qualquer parte do mundo.

 

Outros cuidados que os consumidores devem ter é de sempre comprarem em lojas conhecidas, ou pesquisá-las em sites especializados, como o “RECLAME AQUI”, além de conferirem se as mesmas possuem CNPJ, endereço físico, telefone fixo, lembrando sempre que o “cadeado verdinho” existente no navegador, nem sempre é sinônimo de site seguro.

 

Os principais golpes na internet são:

 

1) GOLPE DO EMPRÉSTIMO: onde estelionatários oferecem empréstimos mas pedem depósitos antecipados para liberarem o dinheiro do contrato;

 

2) COMPRAR E NÃO RECEBER: Comprar em lojas desconhecidas, principalmente em redes sociais, onde, após o pagamento, nunca recebem o produto;

 

3) SITE CLONADO: São sites que parecem com os de lojas verdadeiras e conhecidas, porém são de criminosos, onde na maioria das vezes oferecem produtos pela metade do preço. A melhor maneira de evitar esses sites é nunca comprando através de links, devendo o consumidor acessar a loja digitando o nome correto dos sites. EXEMPLO: www.americanas.com.br;

 

4) BOLETO FALSO: Quando o consumidor possui uma dívida deve evitar de procurar empresas na internet para gerar segunda via de fatura ou para negociar o débito, devendo sempre entrar em contato com os canais oficiais da empresa a qual a dívida existe.

 

5) FALSO LEILÃO: Empresas oferecem leilões pela internet de carros e motos, com um preço muito abaixo do normal, onde o consumidor dá o lance e a empresa pede um depósito de entrada para “garantir o contrato”.

 

Estes são os mais comuns, mas existem dezenas de outros golpes que são aplicados na internet e até mesmo presencialmente, nas residências dos consumidores, para evitá-los, as pessoas devem sempre desconfiarem de situações que fogem da normalidade, como preços muito inferiores aos das outras lojas, empresas que não oferecem outros meios de contatos além do whatsapp ou telefone celular, empresas que pedem valores prévios para aprovação de contato, dentre várias outras situações que não seriam normais se o consumidor fosse a uma loja da cidade.

 

“Na maioria dos casos de golpes registrados no Órgão, o PROCON consegue bloquear as contas utilizadas pelos criminosos, porém, por se tratarem de crime, o consumidor deverá registrar um Boletim de Ocorrências e ingressar no judiciário, para tentar reaver a quantia perdida, onde, na maioria das vezes, as contas bloqueadas são de “pessoas laranjas” e o saldo existente já foi sacado ou transferido” explica o Coordenador do Procon Erik Machado.

 

Os consumidores que perceberem que foram vítimas de um golpe, devem procurar o PROCON para registro das reclamações e para o devido encaminhamento para a autoridade policial:

 

Rua Péricles Gomide nº, 166 – Centro – Itaúna/MG

Horário de atendimento: Segunda às Sextas-feiras de 07h30 às 16h

3241-2202 e 3241-3166