Rota para a praia, pela BR-262, é interditada nesta segunda

24/01/2022 | Minas Gerais

A BR-262 será totalmente fechada na região de Abre Campo – Foto Google Street View

 

 

As rodovias mineiras não param de sofrer com os impactos das fortes chuvas que atingiram o estado nas últimas semanas. Neste domingo (23/1), o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) informou que o km 96 da BR-262, próximo a região de Abre Campo, em Minas Gerais, será totalmente interditado às 12h desta segunda-feira (24/1), em função das fortes chuvas na região.

 

Segundo o Dnit, há possibilidade de deslizamento de todo maciço onde fica a pista de rolamento. O local, próximo ao Espírito Santo, é utilizado como caminho para o litoral capixaba, trajeto frequente entre os mineiros nos meses de dezembro e janeiro, durante as férias escolares de verão.

 

“As equipes do Departamento monitoraram o trecho durante toda a semana para avaliar o comprometimento da rodovia, devido à grande movimentação de terra com reflexos na estrutura da rodovia”, informou o Dnit.

 

O órgão garantiu que vai sinalizar o local e orienta que os usuários utilizem as seguintes rotas alternativas:

 

  • Para veículos grandes (Sentido BH – Vale do Aço): de BH a Juiz de Fora pela BR-040, depois para Leopoldina siga pela BR-267/MG, passe pela BR-116/MG sentido Caratinga e siga para BR-458/MG para chegar em Ipatinga.

 

  • Para veículos grandes (Sentido BH – Vitória): de BH a Juiz de Fora pela BR-040, siga sentido Leopoldina pela BR-267, passe por Realeza pela BR-116 e chegue em Vitória pela BR-262.

 

  • Rota para veículos leves (Sentido BH- Vale do Aço): de BH a Rio Casca pela BR-262, depois siga para Caratinga pela MG-329 até trevo da BR-458 pela BR-116. Do trevo, siga até Ipatinga pela BR-458.

 

  • Rota para veículos leves (Sentido BH – Vitória): de BH a Rio Casca pela BR-262, siga para Caratinga pela MG-329 e depois até Realeza pela BR-116. De Realeza a Vitória pela BR-262.

 

“O trabalho do Dnit em Minas Gerais ocorre de maneira ininterrupta, desde o final de dezembro de 2021, para restaurar a trafegabilidade das rodovias federais no Estado, impactadas pelas fortes chuvas que ocasionaram quedas de barreiras e processos erosivos”, afirmou em nota.

 

Impasse na BR-381

 

O Dnit decretou emergência para a obra por causa da gravidade dos estragos

 

 

Um trecho da BR-381, na altura de Nova Era, Região Central de Minas, está completamente interditado desde o último dia 14, após o asfalto “estufar”. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a interdição aconteceu na altura do quilômetro 321 devido ao desmoronamento da pista de rolamento.

 

Na quinta-feira (20/1), as equipes do Dnit identificaram um novo deslocamento do maciço e a continuidade de movimentação de terra no talude do trecho, o que pressionou a base da rodovia e rompeu a pista, causando a interrupção da trafegabilidade.

 

O departamento informou que “já atuou para viabilizar a contratação dos serviços de construção do desvio desse segmento da BR-381/MG. Entretanto, após a nova ocorrência, comprometendo inclusive as áreas previstas para o desvio, a execução das obras só pode ser iniciada após a estabilização do local, para garantir a segurança das equipes e dos usuários da rodovia.”

 

De acordo com o Dnit, os técnicos continuam monitorando a ocorrência para início da construção do desvio. “Os profissionais devem utilizar volume considerável de material pétreo, no menor prazo possível e de maneira segura”, acrescentou. “Especialistas em geotecnia também realizam os levantamentos necessários para elaborar a solução definitiva do problema do eixo principal.”

 

Levando em conta a gravidade do ocorrido e o transtorno causado à região, o Dnit decretou emergência para o segmento. Dessa forma, a contratação de empresa e o plano de ataque para implantação do desvio tramitam de maneira prioritária para início das obras e restabelecimento do tráfego em curto prazo, a partir da estabilização do maciço.

 

Por Uai 

 

 

Veja também