NO AR AGORA

Rádio Santana FM

Itaúna, 15 de junho de 2021

pessoas desaparecidas represas

 

 

Ao menos sete pessoas que nadavam em balneários, represas, rios e cachoeiras de Minas neste Carnaval seguem desaparecidas, de acordo com balanço parcial da operação do Carnaval 2015 do Corpo de Bombeiros. Os dados incluem as ocorrências atendidas do início do último sábado às 19h de ontem.

Um rapaz se afogou ontem em Rio Acima, na região metropolitana, ao pular da ponte Bem-te-vi. A corporação fez varredura próxima do local, mas não havia achado o corpo até o fechamento desta edição.

Também ontem, no Triângulo, um jovem sumiu após mergulhar em uma represa no distrito de Marimbondo, na zona rural de Uberlândia. Segundo os bombeiros, a vítima nadava com amigos quando afundou e não foi mais vista. Na mesma cidade, no distrito de Capim Branco, outro jovem desapareceu ontem, também em uma represa.

Anteontem, em Unaí, na região Noroeste, pai e filho estavam em uma pequena embarcação que afundou no Rio Preto e não foram mais vistos. Também no domingo, foi registrado o afogamento de um jovem de 19 anos em uma cachoeira de Ataleia, no vale do Mucuri. O jovem mergulhou em uma cachoeira e não foi mais visto. No mesmo dia, em Morada Nova de Minas, na região Central, um homem que pescava na represa de Três Marias se afogou.

O balanço final da operação será divulgado na próxima quinta-feira.

Precaução

Dicas. O Corpo de Bombeiros reforça que, por questões de segurança, banhistas não devem nadar sozinhos nem em locais desconhecidos. 

Álcool. Outra recomendação é não entrar na água em caso de ingestão de bebida alcoólica. Devem ser evitadas brincadeiras de mau gosto, como caldos, saltos em cachoeiras e trotes.